Clarice Lispector consegue sempre surpreender com sua escrita. Com De Natura Florum, não poderia ser diferente. O livro, um lindo herbário narrativo criado por Clarice, a priori, foi um texto lançado em sua coluna no Jornal do Brasil, do dia 3 de abril de 1971. Texto que era pra ter entrado em Água Viva, só foi publicado posteriormente na antologia A descoberta do mundo.  

Foto: Reprodução

Traduzida para o espanhol por Alejandro G. Schnetzer e ilustrado por Elena Odriozola, a obra foi lançada em 2020, ano em que se comemorou o centenário de nascimento de Clarice Lispector.  Em 2021, a Global Editora trouxe o livro para o Brasil.  

Trata-se de experiencia literária-imagética, delicada, com 24 verbetes, que falam do processo de floração, até caracterização de diversas flores. Tudo pela ótica pessoal da autora, só reafirmando a sua tenacidade e perspicácia.  Além do texto, pode-se observar a sensibilidade da ilustradora, que soube sintonizar sua arte com as palavras de Clarice. É um projeto de encher os olhos.  

Foto: Reprodução

De Natura Florum é uma belíssima porta de entrada para o mundo literário de Clarice, sem restrição de idade.