A vida é um turbilhão de emoções. Dia a dia, a agitação de sentimentos provoca reflexões, desejos e ações carregadas pelas particularidades do indivíduo, cuja lógica e motivação dependem única e exclusivamente da pessoa que tenta dar ordem a estas comoções.

Por meio de quatro canções no EP ‘Depois de tudo que eu passei’, o Metade de Mim, quarteto de rock alternativo/emo paulista, escancara em tom confessional — e muito passional — o que é seguir adiante em meio à ansiedade, aflições, amores, separações e tudo mais que é possível sentir.

O EP, que começou a tomar forma antes mesmo da pandemia, foi finalizado somente nos últimos meses de 2021, num processo em que Renan Sales (vocal), Felipe Angelim (ex-Clearview, guitarra), Danilo Tanaka (bateria) e Giuliano Augusto (ex-Children of Gaia, baixo) respeitaram o necessário distanciamento social.

Metade de Mim é um quarteto paulista de emo/rock alternativo formado em 2019 que, apesar de pouco mais de três anos em atividade, já formou um relativo público com singles e, agora, dois EPs.

E também trouxe para si ouvidos curiosos pelo fato de dois integrantes serem oriundos de bandas aclamadas do universo hardcore, como Clearview e Children of Gaia.