Por Eduardo Nascimento*

A espera acabou! “Sol a Pino”, novo álbum da Cabruêra, já está disponível em todas as plataformas de streaming.

Gravado em João Pessoa , mixado e editado na Colombia, por Felipe Alvarez, renomado produtor de Bomba Estereo, Shakira e outros grandes nomes da cena Colombiana, masterizado na Alemanha por Piet Charlet. Um verdadeiro esforço internacional traduzindo o que realmente significa World Music.

Sol a Pino agrada aos fãs saudosos da batida Nordeste-World Music da Cabruera, mas vai também agradar a vários públicos mundo afora.

A abertura traz uma linda introdução de sanfona e rabeca por Lucas Dan (sanfona) e João Nicodemos (Rabeca), que nos remete ao penoso caminhar no sol a pino da estação seca que logo se transforma na primeira linda canção, “Passarinho”, um mantra que chega num sobrevôo alegre como se anunciasse a chegada próxima da chuva, com aqueles “grooves “ doidos do baixo vocês sabem de quem, a guitarra psicodélica de Leo Marinho e todo o Arsenal dos Cabras. Uma obra-prima. Ouvi muitas vezes hoje e só sosseguei quando aprendi os acordes. Passarinho me remete aos melhores tons de Alceu Valença.

Em seguida vem um caldeirão de diversos ritmos nordestinos revestidos de levadas diversas, marca maior da Cabruera.

O produtor colombiano acrescenta um novo sotaque aos metais de Clevaldo e João Henrique, mais em linha com os arranjos de metais caribenhos e mexicanos.

O álbum é daqueles para deixar rolar, ouvir, curtir e dançar. Finaliza com uma linda homenagem a Alberto Marsicano, citarista que participou e co-produziu o trabalho anterior da banda, “Nordeste Oculto”.

Enjoy!

*Eduardo Nascimento é um músico paraibano radicado em São Paulo, integrante da banda Desvious Order.